O que tem o vinho

O que tem o vinho

por Eduardo Bassetti

Neste espaço, o vinho é o sujeito principal. Desde a história, até as técnicas atuais de elaboração, os temas aqui tratados passam pelo plantio das uvas, cuidados com os vinhedos, processos de fermentação e curiosidades do mundo do vinho, sempre com a colaboração de um apaixonado por fazer e beber vinhos.

eduardo@villaggiobassetti.com.br

A Grande Safra 2017

Publicado a(s) 10:31h do dia 16/06/2017

O trabalho não para! Vinhedo Sauvignon Blanc - Villaggio Bassetti (Foto: Mara Freire)

A safra 2017 será inesquecível!

Iniciamos com um inverno bastante rigoroso que nos proporcionou um frio de excelente qualidade, contabilizando mais de 1.200 horas com temperaturas abaixo de 10o C. Estas temperaturas foram muito importantes para que a dormência das videiras fosse longa e intensa, além do inverno não ter se prolongado primavera adentro, como em anos anteriores, quando as geadas tardias abortavam boa parte das gemas que se transformariam em cachos com belas uvas.

As chuvas bem distribuídas na primavera ajudaram na brotação e na formação dos ramos e cachos. No momento em que as bagas passam do “ponto de chumbinho” para o “ponto de ervilha” e em seguida para o tamanho final, a regularidade das chuvas é fundamental para um crescimento adequado das bagas. Falta de chuva é ruim, excesso de chuva é pior. Porém, este ano foi perfeito!

A mudança de cor das bagas das uvas tintas iniciou pelo Pinot Noir na primeira quinzena de janeiro o que prenunciou a maturação mais lenta e completa. As outras uvas seguiram o mesmo padrão, finalizando pela Cabernet Sauvignon já no início de fevereiro. A continuidade de chuvas esparsas se estendeu até o início de março, quando diminuiu bastante e as temperaturas amenas deste verão contribuíram para que ciclo fosse muito bem sucedido.

Outra característica deste ano foi a pouca necessidade de tratamentos nos vinhedos mesmo sendo uma safra de grande produção. Por isto, os manejos de desfolha, roçadas, limpeza dos vinhedos e combate às formigas puderam ser executados nos momentos adequados.

O clima tem variado bastante de ano para ano nesta nova fronteira da viticultura para vinhos finos que é a Serra Catarinense. Todos os anos acontecem surpresas desagradáveis como frio fora de hora, calor e chuvas excessivas no verão. Neste ano tudo foi diferente! Se pudéssemos pedir à natureza a safra dos sonhos ela teria exatamente este clima, que iniciou no inverno de 2016 e terminou no outono de 2017.

Com uma condição destas, parece que a Natureza quer nos dizer: “Toma o clima que pedistes! Agora é contigo, faz direito o teu trabalho e o bom vinho será teu prêmio!”.

Assim fizemos e os primeiros resultados puderam ser avaliados já na colheita, nos processos de fermentação natural e nos primeiros contatos com os vinhos recém-fermentados.

A Natureza fez sua parte, e muito bem feita! Nós acreditamos que fizemos a nossa. Agora é aguardar a evolução dos vinhos, alguns nos tanques de aço inox, outros nas barricas, mas sempre com a expectativa de grandes momentos no futuro!

Saúde! E bons vinhos...

Vinhedo Sangiovese - Villaggio Bassetti (Foto: Mara Freire)
Vinhedo Sangiovese - Villaggio Bassetti (Foto: Mara Freire)

 

Comentários